O que faz um Gerente Financeiro na prática e qual é a sua importância?

Saber o que faz um Gerente Financeiro, bem como contar com o trabalho de um profissional desta área, é parte fundamental para o sucesso de empresas dos mais diversos tamanhos e segmentos. Muito disso se dá por conta das suas funções e a importância de cada uma dessas tarefas para o negócio.

Um gestor financeiro, embora possua o termo “financeiro” no nome, atua de forma muito mais aprofundada do que simplesmente cuidar do dinheiro da empresa.

Trata-se de um cargo muito importante, exatamente por isso decidimos escrever um artigo onde falaremos não só sobre a função do gerente financeiro como também sobre o perfil desejado para o cargo. Vamos lá?

 O-que-faz-um-gerente-financeiro

O que faz um Gerente Financeiro?

Começaremos pela desmistificação da função do gerente financeiro. Conforme falamos, o cargo exige uma atuação que vai muito além da movimentação do dinheiro do negócio. Vale frisar que o gerente financeiro trata sim de tudo que envolve dinheiro dentro da empresa, entretanto, ele também é responsável pela tomada de diversas decisões que visam aumentar o valor do patrimônio da companhia. Além disso, o cargo está diretamente ligado à estratégia empresarial através de metas estipuladas, bem como o acompanhamento dos seus resultados.

Em resumo, o gerente financeiro deve captar e aplicar recursos visando o crescimento da empresa, e ainda, analisar dados, acompanhar fluxos, apresentar resultados à diretoria e, o mais importante, tomar decisões visando um objetivo pré-estipulado com base em todas as informações que foram coletadas e analisadas.

 O-que-faz-um-gerente-financeiro

Tarefas de um Gerente Financeiro

Entendida a função do gerente financeiro, podemos partir para um aprofundamento maior através das tarefas de um gerente financeiro, desta maneira, podemos compreender melhor a importância deste profissional para o negócio. Veja as principais tarefas do gerente financeiro:

Controle financeiro

Nesta tarefa é realizada a apuração de todos os custos e a captação de novos recursos. Além disso acompanha o fluxo de caixa visando mantê-lo saudável, controla o estoque a fim de garantir que não exista mercadoria parada ou falta de matéria prima, acompanha o faturamento e a margem de lucro, controla o pagamento de impostos e encargos trabalhistas, atua na negociação com fornecedores e na negociação de dívidas em geral, além de verificar constantemente a rentabilidade da empresa.

Análise de mercado

A análise de mercado consiste em avaliar o desempenho da sua empresa em comparação à sua concorrência. Basicamente, essa prática consiste em entender o que o mercado está fazendo, como está fazendo e como sua empresa pode entrar nessa competição de forma rentável e sustentável. A base dessa análise é entender a economia no momento, conhecer o comportamento dos consumidores, dos fornecedores, e claro, da sua concorrência.

Relacionamento com bancos

O bom relacionamento com as instituições financeiras garante ao Gerente Financeiro a possibilidade de conseguir bons investimentos, linhas de crédito e até mesmo, maiores facilidades nas operações mais corriqueiras.

Planejamento tributário

O planejamento tributário é uma das tarefas mais importantes dentro de uma empresa, isso porque é nesse momento que a tributação com a qual a empresa atuará o ano inteiro é escolhida. Em outras palavras, caso essa seja uma escolha equivocada, a empresa poderá ter enormes perdas financeiras através do pagamento de impostos mais altos.

Para saber qual o melhor Regime Tributário para o seu negócio, clique aqui!

Planejamento

Além do Planejamento Tributário, outros tipos de planejamentos envolvem o dia a dia de uma empresa, entre elas a estratégia para precificação, o planejamento do caixa, planejamento orçamentário, de crescimento, além de planos de ação e muito mais.

Diálogo direto com Diretoria

É esse profissional, também, quem apresenta à diretoria e fundos de investimento o resultado de tudo que foi investido e das ações que foram planejadas, tudo isso, através de relatórios extraídos à partir dos números provenientes do dia a dia da empresa.

O-que-faz-um-gerente-financeiro

Perfil de um Gerente Financeiro

Outra questão de grande importância na execução das funções do Gerente Financeiro é contar com um perfil condizente com o grau de responsabilidade e comprometimento exigido pelo cargo. Em geral, esse posto exige do profissional algumas características básicas.

Ética e transparência são princípios primordiais, até porque, trata-se de um cargo de alta confiança e que faz com que a empresa caminhe para o sucesso ou fracasso. Além disso, é preciso saber ser um líder, afinal, é impossível carregar uma empresa nas costas sozinho e a equipe precisa entender que são peças fundamentais para o sucesso e além de entender o que Gerente espera de cada uma delas.

Além destas características, o Gerente Financeiro deve ter muita disciplina já que caminhos são planejados e traçados e ele deve garantir que sejam seguidos até o final. É essa característica que garante o cumprimento de rotinas e processos de forma clara e objetiva.

Proatividade é também fundamental nas tarefas do Gerente Financeiro, afinal, quando algo não está dando certo algo deve ser feito para corrigir o problema e a proatividade visa, justamente, a resolução de questões antes mesmo que as consequências se tornem ainda maiores

Existem ainda características como inteligência emocional, gerenciamento de tempo, disponibilidade e outras mais que devem ser exploradas, entretanto, esses são os principais atributos exigidos pelo cargo.

O-que-faz-um-gerente-financeiro

Conclusão

Como foi possível observar, a função do Gerente Financeiro é o coração da empresa, contando com tarefas de extrema importância para o sucesso do negócio. Além disso, vimos algumas características fundamentais dessa profissão como ética, pró atividade e disciplina.

Esperamos que a dúvida sobre o que faz um Gerente Financeiro tenha sido solucionada. Caso queira saber mais fique atento aos nossos próximos artigos ou fale com um dos nossos consultores.

 
o-que-faz-um-gerente-financeiro