Qual a diferença entre ERP e CRM?

Como empresário, você com certeza já ouviu falar em ERP e CRM, entretanto, talvez não conheça suas especificações ou diferenças, e mais, muito provavelmente você sequer sabe qual deles é o mais indicado para o seu negócio, se é que algum deles seja de fato útil para o seu negócio.

 

Pois bem, essas dúvidas são mais comuns do que se pode imaginar e é exatamente por isso que criamos este artigo!

 


A partir de agora iremos abordar todos os pontos relevantes de cada sistema, assim como os pontos fortes e fracos de cada um, além disso, esperamos poder ajudar mostrando como cada um deles pode ajudar o seu negócio a prosperar e lucrar mais.
Antes de mais nada, vale frisar que tanto o ERP quanto o CRM são sistemas que visam aumentar a rentabilidade de uma empresa e que embora possuam finalidades bem diferentes, ainda assim, possuem algumas semelhanças. Para ficar mais claro, vamos à uma explicação mais aprofundada sobre cada um deles.

 

crm-e-erp-oque

 

O que é ERP?

 

ERP (Enterprise Resource Planning ou Planejamento de Recursos Empresariais) é um software de gestão empresarial que busca automatizar as rotinas da empresa. Trata-se de um sistema que possui seu foco na melhoria dos processos integrando diversas informações relacionadas à uma operação como o pedido, o faturamento, emissão da nota fiscal, a baixa do produto no estoque, o controle da logística e o pagamento.

 

Além de reunir, a ferramenta ainda padroniza todas as informações relacionadas à empresa de forma mais rápida e eficiente, tais quais os dados dos clientes e dos colaboradores, o nível do estoque, o controle do setor financeiro, dentre outros.

 

Desta forma, os gestores estão focados nos dados e não nas operações. E é através destes dados que o responsável pelo financeiro, por exemplo, monitora os resultados da companhia através do gerenciamento dos custos da operação, prestação de serviços, o histórico de clientes, receitas, e todas as demais rotinas de uma empresa.

 

Basicamente, o ERP foca na diminuição da sobrecarga de informações e na redução de custos, além disso, com a padronização das etapas, os processos tornam-se mais efetivos e proveitosos. Desta maneira, evita-se retrabalhos, falha de comunicação, desperdício de matéria prima.

 

Bem, em outras palavras, essa ferramenta é a base para uma gestão eficiente de uma empresa já que vai do pagamento das despesas até a receita, considerando todos os tributos necessários.

 

Se você precisa de controle de arquivos e fluxo de informações, então você precisa de um ERP!

 

crm-e-erp-oquee

 

O que é CRM?

 

O CRM (Customer Relationship Management) é um sistema utilizado pelas empresas onde o foco é total nos clientes e o conceito básico é entender as necessidades dos clientes e se antecipar às suas carências. E esse processo é possível graças à captação de dados específicos sobre os clientes e suas ações.

 

Um dos maiores objetivos deste sistema é, através da análise e entendimento das informações coletadas durante todas as interações entre clientes e a empresa, fidelizar os clientes através da antecipação das suas necessidades, buscar pela sua satisfação e oferecer tratamento diferenciado. Além disso, se torna possível oferecer produtos adequados para o seu perfil, criar promoções exclusivas e campanhas bem direcionadas.

 

Além disso tudo, com a comunicação mais próxima com seus clientes, ainda se torna viável aprimorar um produto ou serviço ou até criar algo novo para atender determinadas demandas. Atualmente existem diversos módulos de CRM que são mais utilizados, veja a seguir alguns deles e suas especificações:

 

Operacional – este módulo aborda a integração da tecnologia com todos os processos que envolvem a produção da empresa, desta maneira, o relacionamento entre cliente e empresa é simplificado e eficiente.

Colaborativo – neste módulo, todos os pontos de contato com os clientes são automatizados de maneira a obter o valor do cliente.

Analítico – já neste módulo, como o próprio nome já indica, é possível identificar especificações sobre os clientes, e assim, traçar estratégias que as atendam.

 

Em suma, o CRM trabalha visando o aumento dos lucros através da própria interação com seus clientes ou potenciais clientes.

 

crm-e-erp-escolher

 

Como escolher entre o ERP e CRM para o seu negócio?

 

Muito bem, conhecidas algumas das especificações do ERP e CRM, é chegada a hora de escolher, dentre elas, a melhor opção de gestão para o seu negócio. Pensando nisso, elaboramos uma lista com alguns fatores que devem ser considerados para escolher o sistema mais adequado para o seu processo. Veja a seguir:

 

  • Qual o nível de integração oferecido para todos os setores da sua empresa?
  • Quão aderente ao seu processo é a organização do sistema?
  • Ele possui a flexibilidade que sua empresa necessita?
  • Oferece possibilidade de aderência para o caso de um possível crescimento da empresa?
  • Atende ao nível de complexidade das suas operações?
  • O sistema oferece atualizações regulares?
  • Qual o custo total?
  • Qual o grau de maturidade técnica e profissional dos futuros usuários do sistema?
  • O sistema escolhido oferece treinamento para sua utilização?

 

Muito bem, as respostas dadas às questões acima certamente poderão colaborar para escolha das melhores fornecedoras de sistemas dentre ERP e CRM, entretanto, uma coisa é possível garantir com toda certeza: ao trabalharem juntos, CRM e ERP, oferecem a possibilidade real de reduzir os custos e aumentar os lucros.

 

E isso só é possível porque cada um atua em um momento específico no processo como um todo. Veja, um sistema ERP dinamiza as operações colaborando para a redução dos custos ligados à desperdícios de matéria prima, do tempo dos seus colaboradores, do aumento da produtividade e do processo de gestão de estoque, comprovadamente um dos maiores pontos de corte dentro de uma empresa. A perfeita gestão do estoque pode ser a responsável por um maior lucro ou maior número de despesas de uma empresa.

 

Já o CRM uniformiza as informações captadas com os clientes, desta forma, economiza o tempo dos colaboradores na busca por informações e documentos. Além disso, por tratar os clientes de forma individualizada, aumenta a retenção e por consequência, aumenta as vendas.

 

Este post o ajudou a entender a diferença entre ERP e CRM? Deixe seu comentário!

 

Não se esqueça de assinar nossa newsletter para receber informações relevantes para você e sua empresa!

 

10-passos-para-escolher-o-erp-certo-para-o-seu-negocio