Descubra como criar um site de vendas de sucesso!

Segundo a Pesquisa Anual do Comércio (PAC), divulgada recentemente pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a receita bruta de vendas do varejo pela internet cresceu 290,4% entre 2007 e 2014, já descontados os efeitos da inflação. Ao longo desse período, o faturamento nessa modalidade de venda passou de R$ 7,7 bilhões para R$ 30,2 bilhões. Mais e mais pessoas estão comprando de suas casas ou de um dispositivo móvel em vez de se dirigirem às lojas físicas. Com as vendas no varejo online aumentando ano após ano, este é o melhor momento para iniciar o seu site de vendas. O que você está esperando para ter o seu próprio comércio eletrônico? Nós vamos ensiná-lo como criar um site de vendas de sucesso. Confira!

 

 

Iniciar um site de vendas pode soar como uma tarefa difícil, mas é mais simples do que você imagina. Vamos mostrar a seguir quais são os passos necessários para criar o seu próprio comércio eletrônico, e quais são as ferramentas que você precisa para começar.  Basta que você se dedique, persevere e tenha vontade de aprender!

 

produto-como-criar-um-site-de-vendas

 

Como criar um site de vendas? Comece escolhendo o produto ou serviço que você irá vender!

 

Para alguns, este é o passo mais difícil do processo e pode causar muita dor de cabeça. Escolher o produto ou serviço certo para vender online pode ter um enorme impacto sobre o sucesso ou fracasso do seu site de vendas. Com milhões de produtos e serviços diferentes disponíveis, como saber qual deles venderá melhor? Aqui estão alguns fatores a serem considerados na escolha do produto ou serviço para comercializar online:

 

Preço

Qual é que o custo do produto/serviço? Se for muito baixo, será um desafio chegar a um ROI (do inglês “Return on Investment” – Retorno sobre Investimento) positivo. Se for muito alto (acima de R$ 1.000,00), os clientes vão querer falar com alguém por telefone ou através de chat antes de comprar. Este apoio ao cliente requer tempo adicional e dinheiro, mas o ROI geralmente é positivo. A faixa de preço de até R$ 100,00 costuma ser ideal para vendas online, uma vez que a maioria das pessoas se sente mais confortável em fazer um pedido até esse valor.

 

Margem

Qual é a sua margem de lucro em cada venda? Muitos produtos vendidos online têm uma margem em torno de 30 a 35%, mas isso pode mudar drasticamente dependendo do setor da indústria. Por exemplo, a indústria eletrônica geralmente tem margens menores, enquanto acessórios do telefone têm margem de 200% ou mais. Antes de se decidir por um produto ou serviço, certifique-se de conhecer as margens. Muitas vezes isso requer entrar em contato diretamente com o fabricante ou candidatar-se como um distribuidor.

 

Disponibilidade de local

Você pode comprar este produto em uma loja física? De um modo geral, é mais fácil impulsionar as vendas online quando o produto não pode ser comprado em lojas locais. Por quê? Simples: se os consumidores não podem obter o produto nas lojas físicas, então deverão comprá-lo pela internet.

 

Dimensão

Quão grande (e pesado) é o produto? Produtos maiores e mais pesados tendem a ter custos de transporte mais elevados, o que pode afetar negativamente as vendas. A maioria dos clientes não só quer o frete gratuito, como também espera por isso. Por essa razão, pode ser difícil vender um produto com uma taxa de transporte muito alta. Muitos varejistas online combatem esse problema incluindo o custo do transporte no preço, e oferecem “frete grátis”. No entanto, estes aumentos de preço podem diminuir as vendas. Procure por produtos que são menores e não exigem custos de transporte muito altos.

 

Paixão

O quanto você está interessado nesse produto ou serviço? Este último item é muitas vezes ignorado, mas geralmente é um forte indicador de sucesso. Para você que quer saber como criar um site de vendas, é importante saber também que como qualquer empreendimento, existe ma série de obstáculos e frustrações. Paixão pelo tipo de comércio pode ser uma grande fonte de motivação para enfrentar os desafios que surgem. Quais são seus hobbies? O que você gosta de fazer para se divertir? Você gosta de jardinagem? Ótimo! Você pode criar um site de vendas online com produtos e equipamentos de jardinagem.

 

quem-produz-como-criar-um-site-de-vendas

 

Descubra quem fabrica/fornece o produto

 

Agora que você já identificou quais os produtos que você quer vender, é hora de descobrir quem os fabrica ou fornece. Existem alguns métodos diferentes de encontrar fabricantes que podem fazer com que você economize tempo e dinheiro:

 

Google Shopping

Google Shopping é um motor de busca poderoso que só procura produtos físicos vendidos online. Ele também tem algumas informações sobre quem são os revendedores (ótimo para delimitação do âmbito da concorrência), mas o mais importante: ele informa onde estão os fornecedores. Basta digitar o seu produto no Google Shopping e prestar atenção ao que os fabricantes mostram na seção “Brand”.

 

Diretórios

Há muitos diretórios online de fornecedores, que tornam mais fácil encontrar fabricantes. Esses diretórios podem conter perfis de centenas ou até mesmo milhares de fabricantes, atacadistas e fornecedores. Listamos abaixo alguns dos diretórios mais populares, tanto para fornecedores nacionais quanto internacionais:

 

Diretórios Nacionais

  • ThomasNet
  • Makers Row
  • MFG
  • Kompass

 

Diretórios Internacionais

  • Alibaba
  • AliExpress
  • IndiaMart

 

Uma vez que você construiu uma lista de fabricantes, o próximo passo é começar a revender seus produtos. Nem todos os fabricantes vão querer trabalhar com alguém que está apenas começando, uma vez que você ainda não tem qualquer histórico de vendas. Inicie com os fabricantes e distribuidores que têm exigências menos intimidantes.

Muitos dos grandes fabricantes irão preferir que você já esteja trabalhando com algum outro fabricante. Então, pense em estreitar as relações com pequenos fornecedores, para depois partir para os maiores.

 

configurar-como-criar-um-site-de-vendas

 

Saiba como configurar o seu site de vendas

 

Assim que você escolher seus produtos ou serviços, e encontrar alguns fabricantes para trabalhar, o que vem depois? Ter o seu site instalado e funcionando.

Algumas pessoas que estão lendo este post podem se perguntar “por que alguém entraria em contato com fabricantes antes mesmo de ter um site”? A razão é que é mais difícil conseguir contato com grandes fornecedores quando o seu e-commerce está vazio, sem produtos, do que colocar o seu site no ar. Dito isto, pode ser uma boa ideia criar uma página “Em Breve”, até que você já esteja comercializando alguns produtos, para poder entrar em contato com grandes fabricantes.

 

Escolha uma plataforma de e-commerce

A plataforma de e-commerce gerencia todos os produtos, categorias, processo de pagamento e outros aspectos envolvidos em um site de vendas funcional. Existem dezenas de plataformas disponíveis, mas o ideal é que você tenha uma plataforma desenvolvida de forma nativa com um software de gestão, ou ERP (Enterprise Resource Planning) que exclui a necessidade de integrações e facilita consideravelmente a sua administração. Assim, é possível contar com todos os recursos da gestão administrativa (controle financeiro, estoque, compras, faturamento, entre outros) de maneira conjunta com sua loja virtual.

 

>> Não deixe de ler este artigo sobre os benefícios de ter sua loja virtual integrada com um sistema ERP! <<

 

Nome do domínio e hospedagem

Todo site precisa de um nome de domínio para a sua marca e servidor para hospedagem. No entanto, sites de comércio eletrônico também precisam do que chamamos de Certificado SSL (Secure Sockets Layer) para criptografar dados sensíveis, tais como números de cartão de crédito e informações pessoais.

 

Design

O design de um site pode ter um enorme impacto sobre a frequência com que os visitantes da loja irão comprar. A contratação de um designer para ter um site personalizado projetado traz resultados, mas o investimento pode ser alto. Se você quiser minimizar os custos, existem empresas que entregam a plataforma já com o design, a um preço menor.

Então, o que vem depois? É hora de agir e colocar o que você aprendeu em prática. Equipado com essas novas informações, você tem tudo o que precisa e já sabe como criar um site de vendas.

Lembre-se: todos os anos, a web se torna mais e mais competitiva. Agora é o melhor momento para começar e entrar no mundo do comércio eletrônico!

 

Gostou deste post? Não deixe de assinar nossa newsletter e receber dicas para alcançar o sucesso do seu negócio!

Quer mais facilidade para abrir seu e-commerce? Entre em contato conosco! Estamos aqui para ajudá-lo a encontrar a melhor solução para seu negócio!

Agora que você já sabe como criar um site de vendas de sucesso, baixe o e-book gratuito clicando na imagem abaixo e descubra como ampliar suas vendas no e-commerce:

 

e-commerce-amplie-suas-vendas