Assunto

gestão empresarial

bate-papo-com-ernesto
Blog, Finanças, Gestão

8 Pilares da Gestão Empresarial

Surgiram no mercado várias correntes sobre a Gestão de Performance, cada uma medindo o desempenho do negócio de uma forma diferente e, normalmente, baseada apenas nos aspectos financeiros. Coube aos cientistas Robert S. Kaplan e David P. Norton escreverem uma coleção de livros (um dos quais denominado “Mapas Estratégicos”) e introduzirem um novo conceito, o Balanced Scorecard (BSC), hoje globalmente reconhecido. O BSC tornou-se padrão mundial e levou os executivos a agir de forma homogênea. O conceito ajuda também o benchmarking, permitindo que a comparação entre empresas seja feita com critérios semelhantes.

Estudando o BSC definido por Kaplan e Norton, são 4 as perspectivas que precisam ser bem cuidadas em uma empresa: Pessoal, Processo Interno, Clientes e Financeiro. Cada uma com seus objetivos, metas e indicadores.

Mas seriam somente essas perspectivas? E o produto? E o suprimento? E os tributos? E, principalmente, os controles?

Por isso, vamos analisar não somente os 4, mas os 8 pilares de uma boa Gestão Empresarial.
 
Leia Mais

vela-olimpica
Blog, Finanças, Gestão

4 lições da Vela Olímpica para a gestão da sua empresa

Os jogos olímpicos estão a pleno vapor no Rio de Janeiro e a Vela Olímpica é uma das modalidades que mais trouxe medalhas ao Brasil, com 16 no total. Ótimo, mas afinal, o que a Vela Olímpica e a gestão empresarial têm em comum? A resposta é a seguinte: princípios básicos!

 

Basicamente, trata-se de um esporte que é praticado em diversas categorias diferentes, tanto no feminino quanto no masculino, entretanto, em todas as modalidades utiliza-se barcos movidos, apenas, à força gerada pela vela através do vento. O trajeto percorrido é definido através de boias colocadas no mar e o objetivo é contornar todas essas boias, sem tocá-las, a fim de terminar o percurso no menor tempo possível.

 

Agora, para ficar mais clara a ligação entre os conceitos da modalidade esportiva e a gestão empresarial, separamos 4 princípios básicos utilizados em ambas situações. Veja a seguir:

 

Leia Mais

Produtividade-no-Trabalho
Finanças, Gestão

Como aumentar a produtividade no trabalho?

Aumentar a produtividade no trabalho significa executar as mesmas ou mais tarefas, sem precisar contratar mais pessoas, utilizando o mesmo ou menor tempo que anteriormente. E esse é um desafio para quem dirige e gere uma empresa, pois representa poder aumentar os lucros da empresa sem precisar aumentar o preço final dos serviços ou produtos, ao mesmo tempo que o descontrole sobre como as horas trabalhadas são gastas podem até mesmo levar a empresa à falência ou diminuir as possibilidades de enfrentar acontecimentos que estão fora de seu controle, como as crises financeiras.

 

Segundo dados da pesquisa da Conference Board realizada em 2013, em média, os funcionários brasileiros produzem US$ 10,8 por hora trabalhada, enquanto os argentinos conseguem US$ 13,9, os mexicanos US$ 16,8 e os chineses, US$ 20,8. Impressiona a disparidade da produtividade no trabalho entre os países, não é mesmo?

 

E se você dividir o faturamento anual de sua empresa pela soma de todas as horas trabalhadas pelos seus funcionários no último ano, qual seria o resultado? Ele é maior ou menor do que o resultado da pesquisa?

 

Neste post, vamos entender melhor como aumentar a produtividade no trabalho em sua empresa e daremos dicas de quais ações prioritárias, processos e tecnologias podem ser usados nessa tarefa.

 

Leia Mais