Assunto

Bate-papo com Ernesto Haberkorn

bate-papo-12
Blog, ERP, Gestão

UM CASO COM O ERPFLEX [PARTE 4]

E hoje chegamos ao final da nossa história “Um caso com o ERPFlex”. Ela foi criada com o intuito de exemplificarmos os problemas diários que muitos empresários enfrentam em suas organizações, e como um software de gestão pode ajudá-los a superar os obstáculos ao crescimento das empresas.

Para acompanhar, leia toda a história que foi publicada aqui no blog: Parte 1, Parte 2 e Parte 3. Vamos à 4ª parte?

Leia Mais

bate-papo-7
Blog, ERP, Gestão

Sistema Integrado: uma ideia que deu certo

A minha história na informática começou pouco depois de ter concluído a graduação em Administração de Empresas, na FGV, em 1965. O curso serviu de base para toda a minha vida profissional, mas também me mostrou que administrar é algo muito subjetivo.

Talvez aquele comerciante do Bom Retiro, que mal tinha completado o curso primário, tivesse mais capacidade para administrar uma empresa do que eu, que estava um pouco angustiado, aflito, aborrecido, afobado, ansioso, apreensivo, agoniado – o que chamamos de “os sete As” do inicio de uma carreira. Não conseguia visualizar muita ciência na arte de administrar. Só via experiência.

Leia Mais

bate-papo-6
Blog, Finanças, Gestão

8 Pilares da Gestão Empresarial

Surgiram no mercado várias correntes sobre a Gestão de Performance, cada uma medindo o desempenho do negócio de uma forma diferente e, normalmente, baseada apenas nos aspectos financeiros. Coube aos cientistas Robert S. Kaplan e David P. Norton escreverem uma coleção de livros (um dos quais denominado “Mapas Estratégicos”) e introduzirem um novo conceito, o Balanced Scorecard (BSC), hoje globalmente reconhecido. O BSC tornou-se padrão mundial e levou os executivos a agir de forma homogênea. O conceito ajuda também o benchmarking, permitindo que a comparação entre empresas seja feita com critérios semelhantes.

Estudando o BSC definido por Kaplan e Norton, são 4 as perspectivas que precisam ser bem cuidadas em uma empresa: Pessoal, Processo Interno, Clientes e Financeiro. Cada uma com seus objetivos, metas e indicadores.

Mas seriam somente essas perspectivas? E o produto? E o suprimento? E os tributos? E, principalmente, os controles?

Por isso, vamos analisar não somente os 4, mas os 8 pilares de uma boa Gestão Empresarial.

Leia Mais